António Rodrigues foi eleito Presidente com 57% dos votos e tem 116 Delegados eleitos ao Congresso (em 211)

31 março 2006

BARQUINHA: UMA APOSTA NA PRÁTICA POLÍTICA, FUGINDO À "RETÓRICA"



Num dos Concelhos emblemáticos do PS no Ribatejo - Vila Nova da Varquinha - António Rodrigues afirmou a sua candidatura pela política "prática", recusando os caminhos da "retórica"...



Afirmar este "novo Ribatejo", só possivel pela coesão, com os autarcas - de freguesia e municipais -, num caminho de respeito pela opinião dos outros...



Enfim... Estilos! Mas talvez mais do que isso: CORAGEM E DINAMISMO!

27 março 2006

DEP.FEDERATIVO DE MULHERES OUVE CANDIDATO



O Departamento Federativo das Mulheres Socialistas, ouviu os grandes objectivos do futuro trabalho de António Rodrigues como Presidente da Federação do PS, no passado Sábado, dia 25 na Sede em Santarém.

Um diálogo de respeito pelas estruturas autónomas, como é o caso do Dep.Mulheres, e de valorização do papel que as militantes devem ter no futuro do Partido.

26 março 2006

POR TERRAS DE FERREIRA DO ZÊZERE



Presidente de Junta de Águas Belas - um dos últimos redutos do PS no Distrito, acompanha António Rodrigues, na afirmação de um Distrito e de um Partido mais forte...

RECONQUISTA DAS CÂMARAS PERDIDAS - Objectivo da candidatura explicada em Tomar

Arlindo Nunes, Presidente da Junta de Freguesia da Madalena e cabeça de Lista de António Rodrigues em Tomar, recebe o candidato acompanhado pelo Presidente do Partido Hugo Cristóvão e Fátima Graça, do Dep.Federativo das Mulheres Socialistas.






O interesse de perceber o "novo disnamismo" necessário para melhorar o trabalho político nas "bases"...



25 março 2006

APOSTAR FORTE NA AFIRMAÇÃO DO RIBATEJO



...foi o mote da conversa com os militantes do Entroncamento, reconhecendo este Concelho, como um daqueles onde o PS deve apostar no seu crescimento, recuperando a Câmara perdida nos últimos anos...



24 março 2006

BENAVENTE RECEBEU "DINAMISMO"



Numa visita a um dos Concelhos mais difíceis para o PS, com maioria CDU, António Rodrigues empenhou-se em saber o que pretendem os militantes da futura Federação...



22 março 2006

TRABALHO "ON-ROAD", DINAMISMO EM ACÇÃO

O nosso contacto com os militantes...



Presidente da Câmara de Alpiarça também apoia António Rodrigues...



Uma sessão de trabalho com militantes em Alpiarça (dia 21)

21 março 2006

QUEM SABE ONDE SÃO AS SEDES DO PS DO DISTRITO?

Uma visita à sede da Golegã... (Sábado dia 18)



Autarcas também dão a cara por António Rodrigues...



Saber como estamos, para sabermos para onde queremos ir: UM SÓ DISTRITO, UMA SÓ CAPITAL, UMA SÓ UNIDADE DE GESTÃO!

15 março 2006

POR UM SÓ DISTRITO

António Rodrigues, Presidente da Câmara Municipal de Torres Novas, apresentou na Segunda-feira dia 13 de Março, pelas 11h30, na Sede da Federação de Santarém do PS a sua candidatura a Presidente da Federação, para o biénio 2006-08.

António Rodrigues aposta forte na AFIRMAÇÃO do distrito de Santarém no contexto Nacional, propondo para isso que as duas Comunidades Urbanas (da Lezíria e Médio Tejo) se fundam numa só. "Divididos não vamos a lado nenhum", afirmou recordando que "cada uma das comunidades no contexto Europeu não é mais do que um Bairro".

Para António Rodrigues o papel do Presidente da Federação deve ser um papel federador de vontades para aCOESÃO e DESENVOLVIMENTO do Ribatejo, fazendo aumentar a militância nas Secções e envolvendo os militantes nas decisões políticas a tomar.

António Rodrigues aproveitou a sua apresentação para fazer uma exigência ao Governo, que foi a de ter uma única entidade gestora para os fundos comunitários agrupando todo o Distrito de Santarém, considerando que o Ribatejo, se tal não acontecer, terá sempre um papel periférico junto de Évora e de Coimbra.

António Rodrigues centrou ainda a sua intervenção na questão do trabalho autarquico do PS, considerando que estes são os dois anos ideiais para começar a trabalhar as candidaturas para as Câmaras e Juntas de Freguesia que ainda não são PS.

António Rodrigues assumiu que "Pensamos pela nossa cabeça", no relacionamento com o Governo com o qual"seremos solidários e críticos quando necessário", tendo inclusivé afirmado que "não contem conosco para sermos moços de recados de ninguém".

António Rodrigues, que afirma ter apoios em todos os Concelhos do Distrito, assume assim a sua candidatura "contra uma coligação", conforme afirmou, apesar da forte amizade que o une aos outros dois candidatos agora unidos na "tal coligação" (Nelson/Caldas).

A assumpção de uma forte RUPTURA COM LAXISMOS, que entende que infelizmente ainda vai fazendo escola na Federação do PS é uma das pedras de toque da sua candidatura.
Acompanhado na Mesa por Manuel Afonso (Santarém), Fernanda Maurício (Entroncamento), Hugo Cristóvão (Tomar) e Sandra Vitorimo (Santarém), António Rodrigues apelou a um forte envolvimento das Mulheres e Jovens militantes do Partido, na certeza que tem que o trabalho que agora inicia terá futuro se por eles for agarrada a oportunidade.